fundo parallax

Identidade, Indiscernibilidade e Lógica

Teria o Metro-Padrão um metro?
7 de abril de 2017
Dissertação: É a Identidade Fundamental?
7 de abril de 2017

Qual a relação da identidade e indiscernibilidade a luz da lógica?


É a identidade fundamental para todo sistema formal? Ainda que um certo sistema não contenha a identidade, será que esse conceito não é pressuposto de algum modo – seja em um nível metalinguístico ou mesmo intuitivo?

Nesse artigo iremos discutir esse problema. Otávio Bueno (2014, 2016) argumenta contra a eliminação da identidade, afirmando que esse conceito é fundamental e não-eliminável (mesmo nos sistemas que alegam fazê-lo). Décio Krause e Jonas Arenhart (2015), por outro lado, apresentam uma série de objeções à tese de Bueno.

Em um primeiro momento analisaremos como o conceito de identidade foi compreendido na tradição filosófica, como também parte de seu tratamento formal. Examinaremos também a noção de indiscernibilidade, que pela abordagem tradicional da identidade, é equivalente à noção de identidade, mas que (argumentavelmente) não lhe é logicamente equivalente. Apresentaremos assim a estratégia proposta por Krause e Arenhart, na qual um sistema formal pode eliminar a identidade em prol da noção de indiscernibilidade. E, por fim, iremos expor as críticas de Bueno a tal estratégia, oferecendo algumas objeções contra ele.


 
I s identity fundamental to formal systems? Even if a system have no the identity relation, is that concept is not assumed in any way – whether in a metalinguistic or intuitive level?

In this paper we shall discuss this issue. Otávio Bueno (2014, 2016) argues against the elimination of identity, holding that this concept is fundamental and non-eliminable (even in does systems that claim to do so). Décio Arenhart Krause and Jonas (2015), by the other hand, have a number of objections to Bueno's thesis.

Firstly, we look at how the concept of identity was accounted in the philosophical tradition, as well as part of its formal account. We will also examine the notion of indiscernibility that, according to the traditional approach to identity, is equivalent to the notion of identity, but (arguably) is not it logically equivalent. Thus, we shall state Krause and Arenhart's strategy, according to, in a formal system we can eliminate identity in favor of the indiscernibility notion. Finally, we shall expose Bueno's criticism to such strategy, and then to put forward some objections against it.

Referência


Periódico: Fundamento Revista de Pesquisa em Filosofia
Data de Publicação: Janeiro-Junho de 2015 (publicado oficialmente em 2017)
Volume: 1
Número: 10
Página: 21-40

Palavras-Chave: Identidade; Indiscernibilidade; Filosofia da Lógica; Metafísica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *